Sâmia Bomfim critica blindagem a Flávio Bolsonaro: está longe de ser inocente


A deputada federal Sâmia Bomfim (PSOL-SP) alertou para a partidarização do Judiciário brasileiro com a decisão do ministro do STF Gilmar Mendes de blindar Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) no caso Queiroz. "Se é verdade que quem não deve não teme, Flávio Bolsonaro está longe de ser inocente", disse ela

(Foto: Pablo Valadares - Câmara)



A deputada federal Sâmia Bomfim (PSOL-SP) alertou para a partidarização do Judiciário brasileiro com a decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Gilmar Mendes, que determinou a suspensão de todos os processos referentes à quebra do sigilo do senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) no caso Queiroz.

"Se é verdade que quem não deve não teme, Flávio Bolsonaro está longe de ser inocente. Por que o filho do presidente trabalha tanto para encerrar a investigação sobre Fabricio Queiroz? Qual sua relação com a milícia, senador? O Brasil merece a verdade", afirmou a parlamentar no Twitter.

Queiroz está diretamente ligado ao esquema de lavagem de dinheiro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) quando o filho de Jair Bolsonaro era deputado estadual. De acordo com relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), Queiroz movimentou R$ 7 mihões em de 2014 a 2017.

Fonte: Brasil 247



Acompanhe Portal Novos Rumos no Twitter e no Facebook.






Comentários:



Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do Portal Novos Rumos

Código da Notícia: PNR0110193